Os Presentes


Aranha tinha uma tia chamada Marta. Ela era muito conhecida e querida no bairro que morava. Gostava de ajudar as pessoas, por isso ganhava roupas e brinquedos para dar aos pobres.

Aranha tinha também muitos sobrinhos e eles se reuniam sempre na casa de outra tia, tia Maria Cada. Ela tinha três filhas, Marizilda, Marilda, Mariceli, Pedro Henrique e João Paulo eram irmãos e filhos de tia Celina e Marcos filho de tio José Mário.

Estavam todos reunidos na casa de tia Maria Carla, esperando os presentes que tia Marta iria mandar, pois era fim de ano e os presentes seriam entregues antes do natal.

Tia Marta enviou os presentes pela prima Janice, mãe de Carmem que também estava na casa de tia Maria Cada.

Janice foi entregando os presentes pelo nome.

-Esse é da Carmem, esse da Marizilda, Marilda, João Pedro, Mariceli e Pedro Henrique.

Marcos esperou uns instantes e como Janice não entregou seu presente perguntou:

-E o meu presente, ela não mandou nada pra mim?

-Sinto muito Marcos, mas só tinha esses embrulhos.

Disse Janice chateada, ela sabia o quanto era num não ganhar presentes, quando todos haviam ganho.

Marcos ficou triste num canto da sala, vendo seus primos abrirem seus presentes. Apesar de todos terem ficados constrangidos com o ocorrido, resolveram abrir logo seus embrulhos: E Janice que morava na rua de tia Maria Carla, foi pra casa.

A primeira a desembrulhar o presente foi Carmem. Ela ganhou um jogo de panelinhas do jeito que queria e foi a única felizarda.

Marizilda a filha mais velha de tia Maria, abriu em seguida o seu e exclamou:

-O que é isso? Ô mãe, isso aqui é uma jaqueta velha e tá cheirando a mofo.

Os outros se entreolharam e abriram rapidamente os seus presentes. O da Marilda era uma camisola e estava suja. Do João Paulo era um dominó, que estava numa caixa com fechadura enferrujada e fedia.

A Mariceli a filha caçula de tia Maria Carla, ganhou uma boneca rabiscada de caneta.

E o Pedro Henrique ganhou um jogo que tinha teia de aranha e ovinhos de barata.

Quando Marcos viu os presentes dos primos se contorceu de tanto rir e comentou:

-Ainda bem que ela se esqueceu de mim. E voltou a gargalhar.

Nisso Janice que tinha voltado, entrou toda feliz na sala e disse para Marcos:

-Marcos a tia Marta não se esqueceu de você, seu presente estava em outra bolsa. Toma aqui.

Todos na sala ficaram em silêncio.

Marcos com expressão de tristeza no rosto pegou o presente e o abriu.

-Mas o que eu vou fazer com isso? Parece a cueca do marido da tia Marta.

A risada foi geral.

E até hoje quando se lembram dos presentes que tia Marta deu naquele ano, a gargalhada domina a todos.

Mas tia Marta tem bom coração e os sobrinhos sabem disso.

Ela só queria fazê-los felizes e de certa forma ela conseguiu.


Posts Recente 
 

 Literatura Rodrigues

 Antonio  Carlos Rodrigues

             &             

Cássia Rodrigues

Sobre
 

Antonio Carlos Rodrigues casado com Rita de Cássia da Silva Rodrigues(Cássia Rodrigues) também escritora tem dois filhos, e dedica-se exclusivamente aos seus projetos literários.

  • Facebook Basic Black

© 2023 by Ad Men. Proudly created with Wix.com

Contato
 
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now